sábado, 20 de outubro de 2012

[RESENHA] O Lado Oeste da Colina de Junior Franco

Editora: Baraúna
Páginas: 137
Publicação: 2012

Guriba é um jovem índio de uma tribo que acaba de ter todo o seu território dizimado por um grupo de homens brancos, em sua maioria garimpeiros e donos dos minérios próximos, com o objetivo de expandir seus negócios e aumentar seus lucros. Ao se ver só no local onde antes se sentia seguro e confortável, nosso protagonista acaba por ter sede de vingança e parte numa busca por uma jovem que foi expulsa da tribo por ter, supostamente, se envolvido com um homem branco. 

A tribo, assim como tantas outras, é recheada de lendas envolvendo os elementos da natureza. A principal delas é a de que não se pode cruzar a colina que envolve o seu território, mais precisamente no lado oeste do mesmo. Todos crescem curiosos para saber o que há por trás dela e porque algumas jovens são enviadas para lá. Por outro lado, tal território é muito cobiçado por garimpeiros em virtude da quantidade de ouro encontrada em seus rios. Ao ocorrer o primeiro ataque, muitas jovens índias são violentadas e, posteriormente, enviadas ao lado oeste da colina. Com a tribo abalada e desfalcada em quantidade de guerreiros, um novo ataque acontece, acabando por dizimar completamente a todos, com exceção de Guriba. Este, por sua vez, vê-se obrigado a partir em busca de Jasmim e tentar recuperar a identidade perdida de seu povo, bem como tem de amadurecer forçadamente para enfrentar um novo mundo que o espera.

Ao iniciar sua jornada, Guriba tem de abandonar sua visão de mundo. Ao ter seu primeiro contato com a cidade grande, o protagonista passa a conhecer o lado perverso do ser humano, tendo de lutar para se manter vivo. Com o passar do tempo, ele contará com a ajuda de algumas pessoas na busca de Jasmim. Até que descobre uma surpresa nada agradável...

Esse livro me lembrou bastante outro com temática indígena, Enterrem Meu Coração Na Curva Do Rio do Dee Brown, que relata uma carta escrita pelo Chefe RedCloud contando como se deu a real colonização americana, com todo o massacre cultural e humano ocorrido. A narrativa é similar: em O Lado Oeste da Colina não há diálogos, apenas texto corrido narrado sob a primeira pessoa, contado sob a visão do Guriba dos acontecimentos. A princípio isso pode causar estranhamento ao leitor, mas no decorrer da leitura, torna-se natural. Os parágrafos são intensos, recheados de acontecimentos e bem amarrados, fazendo a leitura ser rápida e fluída.

Com uma escrita envolvente, Junior Franco trata em seu primeiro romance, temas polêmicos como a conquista do território indígena, a adaptação forçada desses povos às grandes cidades, a questão ambiental atual e todo o preconceito sofrido pelos indígenas na sociedade. O personagem Guriba mostra como se dá o amadurecimento forçado de um índio que se vê obrigado a abrir mão de seu ambiente natural para lidar com os problemas da cidade grande.

Recomendo a todos que querem uma boa história que mescle romance, aventura e mudança de paradigmas dos personagens principais.








10 comentários:

  1. Gostei da resenha, mas não sei se é um livro que vai me agradar =( estou em um momento bem brazuca então vale a pena arriscar *-* hahaha'

    Beijocas.

    ResponderExcluir
  2. Não me lembro de ter lido algum livro com esses temas. Achei até interessante. Gostei da capa e do tamanho do livro também.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  3. É realmente um livro muito bom e o escritor é bastante talentoso!

    ResponderExcluir
  4. Eu e alguns amigos estamos aguardando em Campinas S.Paulo o lançamento com autografo do escritor. Pelo que ouvi de comentário de outra pessoa o livro O LADO OESTE DA COLÍNA é muito bom.
    NÃO DEMORE ESCRITOR PARA COMPARECER EM MINHA CIDADE POIS ESTAMOS AGUARDANDO A SUA PRESENÇA

    ResponderExcluir
  5. Parece um livro maravilhoso e comcerteza fará muito sucesso, afinal, o autor é o grande Junior Franco! Eu recomendo.

    ResponderExcluir
  6. Marquito, estou curiosa sobre esse livro. Vejo sempre no facebook o Junior Franco divulgando e depois sua resenha, comentando os temas abordados, fiquei ainda mais interessada!

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Esse livro é muito bom. Foi lido duas vezes por mim. Lá em casa ele foi escolhido como presente para minha irmã que mora em Miami.
    Beijinhos!!!

    ResponderExcluir
  8. O livro parece muito bom. Gostei da resenha.

    ResponderExcluir
  9. Oi Marcos!! Gostei do livro, a resenha ficou ótima. Me interessei, já anotei aqui.

    ResponderExcluir
  10. bem redigida sua resenha, tanto que me convenceu de ler este livro, valeu mesmo!!

    ResponderExcluir