sábado, 7 de março de 2015

[RESENHA] Primavera Eterna de Paula Abreu

 


Editora:  Arqueiro
Páginas: 128
Publicação: 2014


Maia é uma publicitária em uma das maiores agências do Rio de Janeira. Sua vida é monótona com um emprego que não sua paixão, um namorado que é apaixonado por ela, porém esse amor não é recíproco e uma vida absolutamente estável. Nada de novo, apenas a velha e terrível rotina. No entanto, algo a persegue durante 13 anos. Diogo que ela foi amiga e que se apaixonou, teve que se mudar para os Estados Unidos. Ficaram afastados por tantos anos, mas o sentimento da parte de Maia é real. Ela decide ir ao encontro de Diogo e constatar se ele realmente é o amor de sua vida.
            
Maia é uma personagem que consegue conquistar o leitor no primeiro instante. Uma mulher independente que leva sua vida bem humorada (até mesmo nos momentos de fossa). É interessante vê-la deixando sua vida presa à monotonia para encontrar alguém que não vê há 13 anos. Loucura? Sim, desculpa gente, mas eu não acredito nesse amor quando criança já se apaixona pela primeira vez. “Ah Luke, é um livro”. Eu sei, mas o pingo de coerência sempre é necessário, ainda mais para um livro contemporâneo.
            
A história se inicia bem curiosa. A história é narrada em primeira pessoa, mas passam alguns capítulos sem mencionar nenhuma apresentação da personagem. Insinua que está no exterior, mas não por que. A autora trabalhou de forma agradável e instigante essa maneira de fisgar o leitor pela curiosidade e por querer conhecer mais Maia.
 
Não há personagens secundários em destaque, somente Diogo, o rapaz que há tantos anos Maia não o vê. Porém, o senti um tanto apagado. Esperava mais dessa premissa de deixar tudo para trás e buscar a felicidade. Apesar, de sentir um pouco vazio após o livro ter terminado. Não posso dizer o motivo, pois é spoiler (rs). 
            
A escrita é fluida, com doses bem recheadas de bom humor. Um Chick-lit que se passa em um dia, ou seja, o livro é muito rápido de ler (li em um dia). A obra é composta por 22 capítulos, eles são rápidos e a leitura foi satisfatória. Apesar, de sentir um pouco vazio após o livro ter terminado. Não posso dizer o motivo, pois é spoiler (rs).
            
Livro recomendado para os fãs de um romance leve, um Chick-lit bem engraçado. Depois da história tem uma pequena análise sobre a história de Maia, explicando o livro no geral, mas de uma forma mais poética e reflexiva. Se você acabou de ler um livro com uma bagagem pesada, “Primavera Eterna” é uma opção de leitura para equilibrar seu lado emocional literário.                                   
 
Onde comprar?


3 comentários:

  1. Ahh parece ser um livro bem leve pra sentar e ler tudo de uma vez.
    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Gi!

      É desse jeito mesmo. É uma leitura bem leve e rápida.

      Abraço5

      Excluir
  2. A capa me parece ser bem o que você resenhou, leve, rápido e divertido.
    Quando der vou querer ler sim.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir