terça-feira, 26 de maio de 2015

[MINIRRESENHA] Snow Crash de Neal Stephenson



Editora: Aleph
Páginas: 496
Publicação: 2015

Hiro Protagonist é um entregador de pizzas da empresa CosaNostra. Estamos em um futuro pós-moderno em que a configuração atual de mundo tal qual como conhecemos não existe mais. Agora os países foram divididos em cidades-estados governadas por grandes corporações privadas que conseguiram muito sucesso e poder associando-se à máfia. A CosaNostra é uma delas.

Nesse novo mundo há duas realidades em paralelo: o mundo real e um mundo virtual alternativo chamado Metaverso, em que as pessoas, ao logarem, tem uma espécie de segunda vida. Hiro, quando não está trabalhando, é um hacker que ajudou a criar esse universo. Em ambos os lados ele é um samurai com exímias habilidades com espadas. Quando menos se espera, um novo vírus começa a se espalhar no Metaverso e "matando" várias hackers conhecidos. Hiro então se vê na missão de descobrir a fone dessa contaminação e, ao se afundar mais em sua jornada, descobre que há algo também no mundo real que ameaça a humanidade.

Snow Crash é um clássico do cyberpunk e um dos primeiros livros a abordar a realidade virtual de maneira clara e profunda. Confesso que tenho pouca familiaridade com o gênero tendo lendo apenas um livro do mesmo e não gostado tanto. Quando comecei a leitura deste fui cheio de dedos mas, a medida que me aprofundei na história, comecei a gostar.

Há elementos de mistério, ação e, claro, muita ficção científica ao longo de todo o livro. Mesmo com a narrativa um pouco arrastada impressa pelo autor, gostei da agilidade com que as cenas ocorrem durante o enredo. Essa edição da Aleph possui nova tradução, um dos pontos que mais li críticas em resenhas do livro, e tem um bom trabalho de capa e folha de guarda. Recomendo a leitura a todos que gostem do gênero ou que queiram conhecê-lo.
                                                                     

Onde comprar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário