segunda-feira, 29 de junho de 2015

[RESENHA] Para Onde Vai o Amor? de Fabrício Carpinejar



Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 176
Publicação: 2015

"Para Onde Vai o Amor?" é um livro de crônicas que falam sobre o amor em todas as suas formas mas, sobretudo, no amor conjugal. Nele teremos crônicas sobre o amor pueril, aquele mais inocente que acomete os jovens apaixonados, até o quanto o amor sobrevive à convivência e como que se dá o término do amor pelo outro.

Fabrício Carpinejar nasceu no Rio Grande do Sul e escreve poesias, crônicas e reportagens. Esse é o sexto livro dele que leio, todos de crônicas, e devo dizer, sou apaixonado pela escrita desse autor. Ele consegue abordar questões profundas da existência humana cruzando com elementos cotidianos contemporâneos de forma a aproximar o seu texto ao leitor atual.

Nesse livro algumas crônicas se destacaram durante a minha leitura. São elas:

- A Culpa é Meu Crime, em que o autor aborda a questão de como o sentimento de culpa acaba nos cegando para a felicidade latente trazida pelo amor;


- Se Você Encontrou, que fala sobre o quão sortudas as pessoas são em encontrar a sua alma gêmea, aquela pessoa que o completa perfeitamente;

"Não há como lhe ensinar coragem (ensina-se medo, coragem não)." p.30


- Se Você Soubesse, onde Carpinejar trata do amor sob o ponto de vista do homem, o amor masculino; 

"Não confie na aparência feliz, o pássaro que canta pode estar chorando." p.48


- Todo Amor do Mundo em Mim, que é um lindo texto versando sobre o amor que guardamos para as coisas e pessoas e como amamos tudo e todos;

"Não direi 'eu sou assim, azar dos outros'. Não sou ninguém sem os outros. O inferno é eu comigo." p.51


- E A Última Vez, que fala sobre o fim de um relacionamento seja ele súbito ou esperado. 

"Se já é difícil dar adeus quando não se ama, imagina quando se ama." p. 138


No geral o livro é um prato cheio para quem já acompanha as crônicas do autor ou que queira começar a ter algum contato com a leitura de seus livros. Lê-lo foi agradável e rápido graças à objetividade da escrita do autor em seus textos. Recomendadíssimo para quem gosta do gênero.

                                                                     

Onde comprar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário