quinta-feira, 9 de julho de 2015

[RESENHA] After - Depois do desencontro (After #3) de Anna Todd



Editora: Paralela 
Páginas: 416
Publicação: 2015

Resenha de After #1
Resenha de After - Depois da verdade #2

Contém Spoiler do segundo volume "After - Depois da verdade"            

Após Hardin e Tessa saírem de um estúdio de tatuagem, Tessa se depara com um homem que fez parte de sua vida por um tempo, seu pai. Sentimentos que antes estavam guardados, agora estão à flor da pele. Hardin, como sempre vem acompanhado com sua bagagem possessiva, ciumenta e imatura. Tessa, além da situação com seu pai também tem que tomar decisão a respeito de sua mudança para Seattle, sendo que seu namorado não está sabendo. Sua indignação das atitudes do rapaz faz com que Tessa reveja seus sentimentos e ambições para esse relacionamento tão conturbado e doentio.
            
Antes começar a leitura do terceiro volume da série minha mente me alertou: “Prepara sua paciência com esses dois”. Os dois primeiros livros deram motivos para esse tipo de aviso surgir, mas tenho algumas ressalvas para dar, mesmo que o que minha mente alertou aconteceu mesmo.
            
A trama continua focando no relacionamento dos dois, mas outras vertentes são exploradas no decorrer da história como: A mudança de Tessa surge várias incertezas, tanto para sua carreira e como será sua vida em uma cidade grande quanto ao relacionamento com Hardin e o que esperar da reação dele após dar a notícia da mudança. O drama familiar com seu pai, deixa o interior de Tessa balançado por tentar conhecer um homem que a abandonou e descobrir a raiz dessa sua atitude de ser afastar dela.
            
Nesse volume claramente mostra o quão egoísta Hardin pode ser. Fiquei muito nervoso por ele achar que o mundo gira ao seu redor e que tudo tem que ser do jeito dele. Suas atitudes imaturas e prepotentes me fizeram torcer pra que Tessa acabasse logo com esse relacionamento a base de brigas e mais brigas. Mas “Nós aceitamos o amor que achamos que merecemos” e Tessa está ciente de toda essa destruição, mas o amor é cego e faz com que ela fique dependente.
            
Apesar desse de Hardin ser carregado de atitudes e sentimentos tão intensos e enervantes, ele aos poucos vai caindo na real que isso pode ser a pólvora para explosão do que ele tem com Tessa. Há uma divisão nesse livro, de um personagem inconsequente e outro que, apesar de ser infantil muitas vezes, a maturidade é uma decisão que precisar ser adquirida, ou seja, conhecemos dois lados do mesmo personagem.
            
Alguns personagens secundários ficaram ofuscados em comparação aos livros anteriores, mas há outros que mesmo ofuscados conseguiram seus destaques. Novos personagens são inseridos para serem fundamentais para a conscientização dos protagonistas quanto ao amor que eles têm um por outro.
            
A escrita de Anna continua viciante e envolvente. Até hoje não consegui entender como um livro pode te deixar tão nervoso, irritado, agoniado, mas ao mesmo tempo você não consegue largar enquanto não acabar. Eu aviso a todos os amigos que dizem que vão começar a série: “Prepare sua paciência e tempo para ler”.
   
Para você que leu o segundo e está prestes a embarcar nesse volume, saiba que o casal continua o mesmo, mas aos poucos você irá perceber a evolução da tão maturidade que eles precisam tanto. Você vai irritar? Sim. Vai perder a paciência? Sim. Vai ficar com vontade em bater no Hardin? Sim. Mas a leitura fluida e uma história instigante irão te prender do começo ao fim. A continuação está com previsão para agosto e o último livro para outubro. 
                                                                     

Onde comprar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário