quinta-feira, 15 de outubro de 2015

[RESENHA] Alice no País das Maravilhas de Lewis Carroll (HQ)



Editora: Farol
Páginas: 72
Publicação: 2011


Oi, pessoal!

Hoje eu trago mais uma resenha de quadrinhos aqui no blog (faz tempo que eu não faço uma né?). Dessa vez fiz a da adaptação de um dos meus clássicos infantis favoritos: Alice no País das Maravilhas.



Para quem ainda não conhece essa história, vou tentar resumir para vocês: Alice é uma jovem garota que um dia, ao estar deitada na grama ao lado da irmã, vê um coelho branco correndo apressado e olhando para o seu relógio. Logo ela, curiosa, resolve segui-lo e acaba caindo num buraco longo que a levará pra o País das Maravilhas. Essa terra completamente nova, a fará descobrir inúmeros personagens completamente diferentes, até que sua jornada se complete.



Eu sempre fico com um pé atrás com adaptações de clássicos de todo tipo, principalmente se for de um livro que eu goste. Já li várias HQs nesse estilo e praticamente nenhuma me agradou por completo, ora por cortar demais a história principal, ora por não me fazer ter a mesma sensação que o livro, muitas vezes sequer passando a mesma mensagem, deixando tudo muito confuso. Com Alice foi a primeira vez que esse quadro se inverteu.



Por ser uma história muito visual, em que os cenários e a caracterização dos personagens é muito forte e compõe parte importante do enredo, Alice no País das Maravilhas é uma obra que funciona muito bem em outras mídias, sobretudo no cinema e no teatro. A composição de cores, sobretudo a do País, é forte e marcante e isso se sobressai quando adaptada para os quadrinhos.


O traço do desenhos tende um pouco para o dos mangás, mas de forma suave. Gostei muito dos desenhos das cenas de entrada de Alice no País e de sua saída de lá. Outro ponto que me agradou foi a manutenção do eixo narrativo principal, não cortando nenhuma das cenas e mantendo a mensagem original do livro.

Recomendo muitíssimo a leitura a todos que gostam do clássico e para quem, assim como eu, tinha um certo pé atrás com adaptações de livros para os quadrinhos.
                                                                     

Onde comprar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário