quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

[RESENHA] Coroa Cruel (Contos da série A Rainha Vermelha) de Victoria Aveyard

 

Editora: Seguinte
Páginas:  232
Publicação: 2016

 A Canção da Rainha

Coriane pertence a Casa de Jacos, uma Casa já não importante para a corte. Ela é uma prateada que não tem um talento surpreendente, o dela é de cantar. Em um jantar ela conhece algumas pessoas de outras Casas, e principalmente, o príncipe Tiberias. Ela não esperava que dali começaria uma amizade e posteriormente algo mais. Ela terá que lidar com perigos e armadilhas de pessoas que não ficarão contentes dessa relação. A principal é Elara, da Casa de Merandus, que possui o poder de ler pensamentos. O "Felizes para sempre", que Coriane está acostumada a ler em seus livros é muito diferente da vida real.

Coriane é uma jovem que perdeu sua mãe cedo, seu pai é ausente. Ela é muito unida com seu irmão, Julian. Ela recebe conselhos de etiqueta com sua prima, já idosa. Ela nunca se sentiu especial, apenas tem o apresso em consertar máquinas e pôr a mãe na gracha. Mas nunca que seu pai aceitaria um futuro assim. Tiberias é um príncipe que em breve terá que se casar . Após conhecer Coriane, algo é brotado em seu coração e o seu pai, o Rei, cancela um ritual tradicional para selecionar a futura princesa, chamado Prova Real. Coriane é escolhida pelo príncipe, mas as Casas que criaram suas filhas para serem princesas um dia não ficarão satisfeitas. Uma das Casas que agirá de uma forma silenciosa é a de Merandus.

Esse conto se passa no universo de A Rainha Vermelha, nos dá uma visão sob o foco em Coriane, mãe de Cal. O conto é narrado em terceira pessoa e é nos mostrado situações, pensamentos e sentimentos que levaram Coriane a escrever em seu diário ganhado de presente do seu irmão Julian.

Quando iniciei a leitura, confesso que fiquei confuso pelas nomenclaturas e relacionar com "A Rainha Vermelha", pois faz um bom tempo que li. Porém, ao passar das páginas consegui entrar no ritmo e compreender.

A escrita de Victoria continua no mesmo ritmo, conseguindo prender o leitor com o que decorrerá da trama. Este conto possui personagens peculiares e uma história de amor, poder, ambição e inveja. 

Recomendo a leitura para os fãs da série, para conhecer um pouco mais do mundo dos Prateados. Eu só queria que ela escrevesse sobre como começou a existir esse mundo, algo mais aprofundado.  Nesse conto percebemos que Elara já era má e sua ambição pelo poder esteve presente desde cedo. A leitura é ágil e fluida.

Cicatrizes de aço

A Guarda Escarlate é uma organização que luta contra os ideais dos Prateados , ela busca pela igualdade dos Vermelhos, mas para isso necessita de agirem de forma secreta e silenciosa. Em alguns momentos o ataque é indispensável. Dianna Farley, era apenas uma soldada, mas ganhou uma função para liderar uma missão que irá requerer das suas características fortes de liderança e frieza, e o seu modo incisivo. Ela é capaz de fazer tudo para a Guarda Escarlate, até mesmo passar pela ordem de seu comandante, por ter a convicção de estar certa que planeja fazer. Diana conhecerá um outro ângulo como liderar e como realizar uma missão.

Esse é o segundo conto que envolve o universo de A Rainha Vermelha. Nesse conto é narrado por Diana e através dela sabemos mais sobre a organização que surpreende Mare em um momento da história.

O conto contém arquivos e relatórios que os integrantes da organização enviam para o outro, para que haja uma comunicação eficaz e uma missão concluída com sucesso. A escrita de Victoria dessa vez ficou um tanto arrastada. Senti um excesso de informação com pouco esclarecimento. Muitas nomenclaturas que fiquei aéreo. Pode ser que minha falta de costume de ler algo do gênero influenciou essa dificuldade de compreensão.


Esse conto é para quem queira conhecer mais sobre a organização que Mare confiou e agiu.Aqui também conhecemos mais sobre Diana. O enredo entrelaça com vários acontecimentos de "A Rainha Vermelha". Aqui também conhecemos mais sobre o irmão de Mare, Shade Barow, que também possui poderes. Uma leitura arrastada, mas que alguns momento consegue prender o leitor. 
                                                                     

Onde comprar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário