sexta-feira, 24 de junho de 2016

[RESENHA DUPLA] Anna Vestida de Sangue (Anna #1) de Kendare Blake



Editora: Verus
Páginas: 252
Publicação: 2016

Olá, Leitores!

Hoje temos mais uma resenha dupla aqui no blog, fazia tempo que não fazíamos uma, não é? Então, hoje vocês saberão o que achamos de Anna Vestida de Sangue aguardado lançamento de Kendare Blake. As opiniões do Marcos estão em azul e as do Luke em verde.

Cas é um adolescente diferente dos outros, ele é um caça fantasmas. Sua função é ir atrás de fantasmas que estão nesse mundo atormentando e matando pessoas e fazer com que eles possam ser exterminados. O seu avô e pai também exercia essa ‘profissão’, ou seja, está no seu sangue ter essa vocação um tanto incomum. A próxima missão é na cidade de Thunder Bay. Ali há um fantasma de uma menina que foi assassinada e que já matou dezenas de pessoas. O único objetivo de Cas é exterminá-la. No entanto, não será nada fácil. Além de ser um espírito um tanto poderoso, algo o atrai em conhecer mais de Anna vestida de Sangue. Sentimentos diferentes estão o rodeando e aparecerá dois caminhos para ele decidir: o da razão e do coração.

Nosso protagonista tem sempre o apoio de sua mãe, uma bruxa que o ajuda fazendo feitiços que blindam o seu espírito de qualquer coisa ruim que os fantasmas possam lhe fazer. Quando descobre que terá que enfrentar Anna, ele percebe que lai está uma das mais difíceis missões que já teve de enfrentar. Não será algo fácil.

Desde que vi a capa desse livro no exterior minha ansiedade estava a mil em conhecer sobre a história de Anna vestida de sangue. Assim que a Verus lançou essa ansiedade duplicou. Enfim, consegui realizar a leitura desse romance sobrenatural atraente e misterioso.

Eu já conhecia o livro desde quando ele fora lançado nos Estados Unidos. A capa é realmente linda, mas nunca tinha dado tanta importância para ele, pois achava que seria mais um romance sobrenatural, gênero que estava na moda à época. Qual foi minha surpresa quando, ao começar a ler, perceber que o livro é terror puro, sem quase nenhum romance.

Cas Lowood é um garoto independente desde muito cedo. Ele tem no seu sangue a sede de caçar e matar fantasmas, além de ter uma mãe bruxa que sempre o apoiou, como também apoiava o seu pai que morreu quando ele era bem mais novo. A cada missão cumprida é algo revigorante para o seu ser e a confirmação que nasceu para isso. A missão em Thunder Bay será muito mais confusa e diferente do que ela já vivenciou em todos esses anos de caçador. Além de ter que matar um espírito muito poderoso, terá que ter um contato mais profundo com magia negra, algo que ele não está acostumado e outras pedras que aparecerão em seu caminho.

Ele não é uma pessoa que tem muitos amigos e muito menos aliados para ajuda-lo nas missões, porém isso muda quando conhece Thomas. Ele será fundamental para cumprir o seu trabalho e perceberá como é ter amigos prontos a te ajudar. Anna, o temível fantasma tem uma história trágica e aos poucos conseguimos ter empatia e torcemos para ela. Além de sua história, o seu primeiro contato com Cas que deveria mata-lo, ocorre de maneira contrária. Ela o poupa e isso o instiga em querer saber o porquê de sua atitude. Isso começará em uma descoberta de histórias, sentimentos e desdobramentos.

Anna é uma protagonista forte, assim que ela aparece você sente tudo o que ela quer passar. Além disso, várias camadas da personagem são desvendadas durante a história. À medida que você vai conhecendo o seu passado, vai descobrindo o que e como ela se tornou o que é agora. Anna sofreu muito durante a sua vida. É triste tudo o que aconteceu com ela quando era jovem.

Ao começar a leitura senti como estivesse acompanhando a trajetória de um personagem de filme de terror. Um garoto frio, focado e com sede de matar. Aos poucos começamos a entender a sua personalidade e também os seus sentimentos para com Anna. Tais sentimentos são construídos aos poucos, o que foi muito bom, pois o leitor consegue acompanhar cada situação que faz com que ele sinta algo nobre para com ela. Apesar do que ela é.

O livro tem muuuito de filme de terror, é literalmente como se você estivesse lendo um, como o Luke falou. As cenas são tensas, a autora não economiza nas descrições e nos momentos de climax. Em alguns momentos durante a leitura eu fiquei com a sensação de que a própria Anna estava me observando dentro do meu quarto! rsrs 

O romance é um plano de fundo da trama. A história tem mais enfoque na função que Cas exerce e outros desdobramentos que surge em seu caminho. Isso trouxe uma bagagem diferenciada para o leitor. Não é apenas uma história de terror, cujo protagonista irá matar determinado fantasma. Diferentes elementos são inseridos na trama e certamente surpreenderá o leitor. A narrativa em primeira pessoa pelo ponto de vista do protagonista, proporcionou uma visão ampla mais de suas ações, da história de sua vida e família. A autora também soube de forma equilibrada explorar os personagens secundários, esses que serão uma força a mais para Cas concluir o seu trabalho. A escrita de Kendare é envolvente e extremamente instigante. Ela consegue trazer o leitor para a história e fazer com que se envolva com os conflitos e ações que os personagens ali vivenciam. O enredo foi muito bem construído e o final nos dá a ideia o segundo volume terá bastante pesquisas e mistérios a serem resolvidos.

Já li muitas críticas ao segundo volume da trama, e até entendo uma vez que a história de Cas e Anna tem um começo, meio e fim nesse volume. Estendê-la não seria uma boa ideia. Mas acredito que possa vir a ler esse segundo volume apenas para saber o que acontecerá com os protagonistas.

Para quem é fã de romance sobrenatural, este é uma ótima indicação. Além de conter histórias envolvendo fantasmas há um romance leve e uma escrita muito envolvente. Não posso esquecer que o livro será adaptado por nada mais e nada menos que Stephanie Meyer, autora da saga Crepúsculo. A direção está por conta de Trish Sie. Há dois autores confirmados para serem os protagonistas, são eles: Cameron Monaghan (Shameless), como Cas e Maddie Hasson (Eu vi a luz), como o fantasma Anna. Estou muito ansioso tanto para a continuação do livro quanto a adaptação.

                                                                     

Onde comprar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário