quinta-feira, 2 de junho de 2016

[RESENHA] Simplesmente Você de Cissa Prado



 
Editora: Charme
Páginas: 400
Publicação: 2016

Helena é carioca, independente e bem-humorada. Ela é feliz no seu emprego em uma agência de publicidade e essa felicidade também está atrelada ao adquirir seu novo apartamento. Em uma noite a moça vai se encontrar com sua melhor amiga, Cléo, mas em direção à boate ela tromba com um rapaz lindo de olhos azuis. Mal sabe ela que irá reencontrar com ele, pois o dono dos olhos azuis se chama Eduardo, o novo colega de trabalho de Helena.

Ela é um enigma para ela. Apesar de ter uma química entre os dois, segredos que Eduardo esconde e uma parede que constrói entre eles é responsável da relação se tornar tão conturbada. Mas o jeito bem-humorado da moça será um dos fatores que irão mexer nas estruturas de Eduardo, fazendo com que o um sentimento tão evitado para ele, torna-se algo tão prazeroso e inesquecível.
Quando li a sinopse deste livro fiquei muito interessado. A história parecia um clichê, mas fiquei com a expectativa que a autora poderia me surpreender com sua escrita. Minha expectativa quando terminei a obra não foi tão alcançada assim. A obra tinha tudo para ser uma ótima leitura, mas tornou em uma pequena decepção para mim.
Helena é uma personagem que amamos no primeiro momento, pois seu jeito descontraído e desastrado nos conquista, ela também vivencia situações engraçadas que nos arranca risadas. Sua personalidade forte e seu jeito independente mostra sua força e sua autonomia de mulher moderna. Porém, sua maturidade para questões de relacionamento estão quase escassas. Ela sente-se atraída pelo seu colega de trabalho, Eduardo. O rapaz é responsável de várias situações que a deixa magoada e com raiva, mas mesmo assim ela o perdoa e volta ao mesmo nível. Ele guarda segredos dela, quando ela toca no assunto ela se irrita e ela também, transformando em uma grande discussão, mas logo ela o perdoa.
Eduardo se mostrou um homem ensaboado e bipolar, esses dois adjetivos o define. Ele não decide o que quer da vida com relação ao amor. Ele sente algo por Helena, isso é claro, mas suas atitudes mostram algo controverso. O relacionamento dos dois é como um ioiô, ou seja, brigas e reconciliações. Isso tornou para mim algo irritante. Os segredos de Eduardo se arrastaram durante a trama, sendo assim, responsável de carregar a história do casal para revelar o que ele esconde.
Até a metade da leitura consegui me envolver com os personagens, mas ao poucos ficou desgastante. Primeiro, Eduardo com suas atitudes bipolares e Helena com sua falta de maturidade, posicionamento e pulso firme no relacionamento recheado de mistério. Segundo, boa parte dos diálogos são mecânicos como “Você é linda” e protagonista responde “Você que é lindo”. Isso não foi uma, mas inúmeras vezes. O segredo de Eduardo foi comovente, mas não senti que foi algo tão grandioso para sentar e conversar com alguém que você ama e confia.
A escrita de Cissa conseguiu me prender, mas aos poucos senti um desgaste e achei enfadonho o desenvolvimento da trama e os diálogos. Porém, a leitura é rápida. A construção dos personagens foi bem executada em alguns sentidos.
Para você que é fã de romance poderá gostar. A minha experiência não foi satisfatória, mas como já sabemos e vivenciamos é que cada um tem seu modo de ver e experimentar determinado obra.       

Onde comprar?


Nenhum comentário:

Postar um comentário