quinta-feira, 3 de agosto de 2017

[RESENHA] O Último adeus (Rosemary Beach #10) de Abbi Glines


Editora: Arqueiro
Páginas: 224
Publicação: 2017


River Klipling, mais conhecido como Capitão, está em Rosemary Beach no intuito de montar um bar para seu chefe e amigo. O passado dele é carregado de fantasmas e que seu presente constantemente torna cada vez pesado em sua mente. Seu sonho é ter seu próprio negócio perto do mar.

Quando Capitão pousa seus olhos em Rose Henderson, seu coração pulsa mais forte. Ela faz lembrar alguém do seu passado que amou muito, mas decorrentes a eventos fora do seu controle os distanciaram. A moça é funcionária do bar, mas ele sente que Rose esconde algo.

Duas pessoas que tem tudo para dar certo, mas Elle, uma das funcionárias do bar está ficando com Capitão e fica de marcação cerrada direto. É um obstáculo, mas para ele não será difícil, pois não quer apegar a ninguém.

Esse é o primeiro contato que tenho com Abbi Glines. Tenho os primeiros livros da série Rosemary Beach, mas ainda li. Decidi começar por esse? Sim, corajoso sou. Algumas amigas me disseram que eu não encontraria muitos spoilers no decorrer dos capítulos. Aleluia, que foi assim mesmo.

Capitão é um homem frio e sério. Suas emoções são quase inexistentes. Isso é decorrente a um passado sombrio e misterioso. Ele não quer ficar em Rosemary Beach para sempre, apenas está para ajudar seu amigo. Porém, um motivo o pega de surpresa e faz mudar seus planos. Um personagem que nitidamente percebemos que o passado é responsável de deixar o que ele se tornou, mas ao fundo há um lado sensível.

Rose Henderson é uma moça batalhadora, mãe solteira e busca sempre a felicidade de sua filha. Ela está na cidade com um objetivo, mas precisa observar antes de agir. Ela não quer que nada de errado aconteça com sua filha e seus planos.

A história é narrada pelo ponto de vista dos protagonistas e contém diversos elementos. O passado e presente são figuras que aparecem constantemente, pois essa linha narrativa é necessária para o leitor compreender melhor a história de Capitão e Rose.

Abbi tem uma escrita envolvente, ágil e objetiva. Os conflitos são apresentados e solucionados de forma coesa. Porém, um deles foi trabalhado de maneira rasa, o que poderia ter aprofundado e explorado melhor.

Para os fãs de romance, essa é uma ótima pedida. Mas que fique claro: este é o décimo volume da série. Se decidir ler ele saiba que terá spoilers dos casais dos livros anteriores. Uma trama com um romance bem trabalhado, personagens empáticos e ficamos torcendo do começo ao fim.
                                                                     

Onde comprar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário